PENSE NISSO! MAS PENSE AGORA MESMO

PENSE NISSO! MAS PENSE AGORA MESMO
PENSE NISSO! MAS PENSE AGORA MESMO

"CENTRO ESPÍRITA SEAREIROS DO BEM - HÁ 25 ANOS EVANGELIZANDO A CRIANÇA E O ADOLESCENTE"

PROGRAMA PENSE NISSO

PROGRAMA PENSE NISSO
PROGRAMA PENSE NISSO . De segunda á sexta, 17 horas . Na Rádio Boa Nova de Itaporanga- CLIQUE NA IMAGEM E OUÇA A RÁDIO

Deus na Concepção Humana

Deus na Concepção Humana
                (Manuel Ferreira Gomes)

No decorrer da trajetória evolutiva, a maioria da humanidade debruça-se sobre questionamentos que aclarem plausivelmente a dialética da origem humana e a concepção de um ser supremo cognominado por alguns, como Alá, Jeová, Arquiteto do universo, Ser supremo, Deus, e outras conceituações consideráveis.

A designação que se Lhe atribua, não se torna tão relevante... urge, que O reverenciemos mediante atos de solidariedade e respeito mútuo, pela demonstração de zelo pelo belíssimo planeta que nos acolhe, e sobretudo, pela exemplificação daquilo que proferimos e que se constitui, como a base de nossa fé.

Notoriamente, em épocas já decorridas, por imposição de nossa limitação espiritual, não concebíamos Deus, e nem sequer, a Sua infinita bondade e justiça... apenas, O temíamos e atribuíamos a Ele, nossas imperfeições e padrões equivocados. Quantas vezes tentamos humanizá-Lo?

Atualmente, muita gente ainda intenta ou fazer barganha com Deus ou inocular a ideia em seus fiéis, de que quanto mais eles doarem dinheiro a seus templos, mais serão contemplados pela divindade e consequentemente, mais vantagens obterão.... será mesmo? Seria mais pertinente que esses irmãos equivocados, se predispusessem a compreender a exegese dos textos sagrados e verificassem a advertência proferida por Jesus, na alusão de que “aonde estiver o nosso coração, aí estará também, o nosso tesouro”.

Obviamente, nenhum empreendimento neste planeta, se estabelecerá sem recursos financeiros, temos que honrar nossos compromissos, quitarmos as despesas relativas a consumo de água, energia, conta telefônica, prestadores de serviços, manutenção etc. no entanto, vivermos às expensas dos nossos fiéis e ou fazermos da religião nosso meio de sobrevivência, no mínimo, tenderemos a sermos tachados de impostores e futuros candidatos a uma encarnação dolorosa, na qual, teremos de corrigir os equívocos cometidos perante Deus, perante nosso próximo, e sobretudo, perante o tribunal da nossa própria consciên

*(integrante do Centro Espírita Seareiros do Bem, da cidade de Boa Ventura-PB).

Nenhum comentário: